copa-rebelde-torcida

I COPA REBELDE DOS MOVIMENTOS SOCIAIS

http://coparebelde.wordpress.com

O Comitê Popular da Copa-SP convida os movimentos sociais a participarem da I Copa Rebelde dos Movimentos Sociais, que será realizada no dia 15 de dezembro, no espaço da antiga rodoviária, no centro da cidade.

 

Podem – e devem! – jogar adultos, crianças, homens e mulheres. A Copa Rebelde é aberta a todas e todos!

 

Os times terão 6 jogadoras/jogadores na linha e 1 goleira/goleiro, e os jogos serão de 12 minutos, com um mínimo de 4 jogos para cada equipe.

 

ATENÇÃO: como forma de acolher o maior número possível de movimentos, solicitamos que cada movimento inscreva apenas uma equipe. Caso sobrem vagas, escreveremos novamente aos movimentos interessados em inscrever mais de uma equipe.

 

Pedimos que os movimentos sociais interessados em participar nos enviem inscrição via nosso formulário clicando aqui. As inscrições terminam dia 11de dezembro.

copa-rebelde7

POR QUE?

Há mais de 100 anos, quando o futebol chegou ao Brasil, ele era praticado quase que exclusivamente pelas elites locais das grandes cidades brasileiras. Rapidamente, porém, o caráter democrático do jogo fez com que sua prática se espalhasse por todas as comunidades pobres do país. Dos pés de ex-escravos, caipiras, mestiços e analfabetos, trabalhadores em sua maioria, surgiu a escola brasileira de jogar futebol, eternizada na figura de Mané Garrincha. Nas arquibancadas, o povo também desenvolveu as suas culturas e as suas maneiras de torcer, de fazer a sua festa, de participar do esporte nacional.

Hoje, a brutal transformação do futebol em negócio tem seu capítulo mais perverso na realização da Copa da Fifa de 2014. Trabalhadores, moradores e torcedores pobres, todos vem sendo sistemática e violentamente varridos pra fora do cenário. Mas o futebol popular não morreu: resiste em cada campo de várzea, em cada jogo na rua, em cada pelada, baba ou bate-bola nos espaços cada vez mais escassos para a prática popular do esporte, graças à especulação imobiliária e ao total descaso do poder público com a população pobre do país.

Pensando nisso e como forma de se contrapor à elitização do futebol e à gentrificação dos bairros pobres de São Paulo, o Comitê Popular da Copa-SP convida os movimentos sociais para a I Copa Rebelde dos Movimentos Sociais.

 

QUANDO e ONDE?

I Copa Rebelde dos Movimentos Sociais será realizada no dia 15 de dezembro (Domingo). A partir das 10h da manhã (com encerramento previsto para às 19h).

 

I Copa Rebelde dos Movimentos Sociais será realizada no espaço da antiga rodoviária, no centro da cidade, demolida para a construção de mais uma obra gentrificante e cujo processo se encontra embargado na justiça. No local, há dois pares de traves, instalados pela comunidade do bairro, permitindo o uso do espaço para fins populares.

Além dos dois campos a serem utilizados para o torneio, teremos também um terceiro campo, de uso livre. Quem quiser jogar, é só aparecer!

Há ainda espaço para montar banquinhas com material dos movimentos interessados, além de um alambrado para estender faixas e bandeiras.

Tragam as suas!

PS.: Por conta da falta de estrutura do local, pedimos a todos que tragam água. Estabelecemos um acordo com alguns comércios e ocupações da região para o uso de banheiros.