Quem Somos

Schermata 08-2456526 alle 08.43.24

O Movimento de Moradia Para Todos – MMPT trabalha para que se cumpra o art. 6° da Constituição Federal, que estabelece como direitos sociais a educação, a saúde, o trabalho, a MORADIA DIGNA, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade, à infância e a assistência aos desamparados.

Temos como objetivo exigir do governo propostas habi­tacionais que atendam a população de baixa renda de São Paulo, ou seja, o direito a ter a própria mo­radia pagando em proporção ao salario ganho.

Habilitado no Ministério das Cidades, o Movimento foi fundado em 12 de junho de 2000 e é filiado à Central de Movimentos Populares (CMP), encontram-se atualmente cadastradas 4013 famílias (março de 2013)  com renda média entre 2 e 3 salários mínimos.

O MMPT defende a prioridade  da reutilização dos prédios que não cumprem sua função social no centro da cidade,  por meio da desapropriação por parte dos  órgãos governamentais. É nesse sentido que, com a colaboração de um coletivo de arquitetos e alunos da FAUUSP, o Movimento já se adianta com projetos de conversão dos edifícios ocupados (6 edifícios situados na área de abrangência da contra-rótula).

O MMPT defende também a ideia de locação social, dado a possibilidade de acesso à moradia no centro desvinculada do valor das prestações do custo do imóvel. “Além disso, o fato de o imóvel manter como propriedade pública, impede que a população beneficiada fique submetida à pressão do mercado imobiliário que a expulsa quando há valorização das áreas centrais” (Moradia é Central, Centro Gaspar Garcia, 2012)